12 outubro 2009

regresso ao local do crime

hoje, logo pela fresquinha, voltei a passar no local onde fui apanhado pelo radar. revivi aquele momento da passada quinta-feira e confirmei o local onde estavam os malditos sinais de 50km/h.

foi durante o lusco-fusco matinal. o sol estava a nascer, o que dava uma aura de mistério e beleza à barragem de Montargil. de repente percebo que estou perto da zona e aumentei o nível de alerta dos sentidos para memorizar tudo. mal fiz a curva após ter passado pelo local do crime só me passou pelo pensamento: "cabrões". é que o local é mesmo estratégico. e não fosse o facto de me terem roubado 120 euros e diria até que a táctica é genial. a malta quem que nem tordos!

enfim. depois voltei a cair em mim. a postura daqueles gajos é miserável, mas na verdade eu é que passei a 85km/h quando devia fazê-lo a 50km/h. e aqui nem vale a pena dizer que os sinais estão lá mas não fazem falta, entre outros argumentos. já está. aconteceu. pronto. está quase morto. agora só me resta escrever a carta para não ficar um mês sem poder guiar. é isto! the end!

3 comentários:

Namaste disse...

Deixa lá... os 120 euros não chegavam para ir a NY e não. Antes isso, que algo mais grave. Dinheiro, é basicamente papel sobrevalorizado.
Saúde é que é preciso!

Edmund disse...

Já sabes o que eu tenho a dizer sobre isso. Se não querias ser multado, ias de comboio. Já viste os senhores agentes da polícia montarem o radar para comboios? Não! Isto porquê? Porque os senhores agentes da polícia só fazem coisas com sentido. Nada é ao acaso. Tudo tem um objectivo. E no teu caso, o objetivo era ir-te ao bolso. Parece-me que foram extremamente eficientes nesse aspecto.

sunday morning disse...

podes crer que foram. e eu que estive mesmo para fazer a viagem, não de comboio, mas de autocarro. ora, se nesta não gastei 30 euros entre bilhetes e portagens, os 120 euros da multa davam para quatro idas e voltas à terrinha. é para aprender! para a próxima vou de transportes públicos!!!