30 setembro 2008

a boa da melanina

Enquanto o Ocidente entrou em pânico porque alguns espertalhões deixaram as empresas ruirem mesmo em cima de nós (não antes de assegurarem o seu bem estar. sim, porque os outros, o povinho, que se lixe) ficou também apreensivo porque a nova moda dos chineses é colocarem substâncias esquisitas no leite que já mataram criancinhas.

Mas afinal que substâncias são essas? Que raio é a melanina? É mau? Mata? Parece que sim. Mas perdoem-me a ignorância. Fiquei confuso e baralhado. Sempre me ensinaram que a falta desta "denominação genérica de uma classe de compostos proteicos existente nos reinos Animal, Planta e Protista", como vem na Wikipédia, é que era má, causadora do albinismo por falta de pigmentação. E a famosa e respeitável (às vezes) enciclopédia cibernética confirma-o: "A falta de melanina dá origem a uma condição denominada albinismo."

Fiquei apreensivo. Afinal, sinto na pele aquela velha história da malta que entra nuns cursos esquisitos como engenharia de qualquer coisa e a primeira coisa que conta à rapaziada quando regressa a casa no fim-de-semana é: "Ah, na primeira aula de não-sei-o-quê a professora se sabíamos o que tinhamos dado em matemática nos últimos anos. Nós dissemos que sim e ela disse para esquecermos tudo porque, afinal, 2+2 não é igual a 4."

Qualquer dia aparece um chico esperto qualquer a garantir que, afinal, a Terra não é redonda e o Galileu foi mesmo um embuste, não?

2 comentários:

meio limao disse...

Por acaso ainda não me tinha lembrado desses pormenores... deve ter a ver com a forma como a melanina entra no nosso organismo, digo eu, sem saber muito dessas coisas :)

Namaste disse...

A substância que anda a matar as criancinhas chinesas é a MELAMINA!
Vai lá agora ao Wikipédia pesquisar e actualiza a informção deste post please!