08 março 2007

Tenho de chamar o canalizador

Adoro a “minha nova” casa. Minha e nova estão entre aspas porque a casa nem é minha e também não é nova. Mas para mim é como se fosse! Adiante. Já passou um mês desde que me mudei e estou muito radiante.

Mas não há bela sem senão. A cano do lava-loiças há muito que pinga. Não é nada de assustador, ou pelo menos não era. Já me deram a liberdade de contratar um canalizador para tratar do assunto, mediante o pedido de um orçamento.

Ainda não o fiz. O dinheiro não estica e há meses que este tipo de despesas se tornam perfeitamente acessórias… até ao dia!
Com o passar dos dias, e a maior utilização do lava-loiça – sim, eu lavo a loiça sempre – a fuga tem aumentado. O que anteriormente não passava de uma cadência de uma gota de três em três segundos passou a um ligeiro fio de água constante, sempre que a torneira está aberta. Mais curioso, quando é água quente, o fluxo aumenta. Não sei se há explicação científica, mas julgo que a água a temperaturas elevadas possa fazer dilatar o buraco… é a única explicação, ainda que de senso comum, que encontro.

Vistas as coisas, a hora de chamar o canalizador está a aproximar-se vertiginosamente. Só espero poder fazê-lo antes do cano rebentar de vez, pois o alguidar nunca aguentaria tamanha brutalidade.

2 comentários:

Eva Luna disse...

e.... achas que podias arranjá-lo tu?!?! eu não saberia, mas os homens têm sempre uma artimanha qq... :o)

Sofia disse...

è mesmo melhor contratar um profissional. :D